Eduardo e Heverton

Quase de férias, a quinta-feira torna-se possibilidade pra uma cerveja. Sentamos no bar perto de casa e desabafamos sobre a vida, o trabalho e as novas velhas notícias do pessoal lá de cima. Na direção oposta à minha cadeira, vejo uma pessoa vindo, descalça, enrolada em um daqueles cobertores típicos para pessoas em situação de … Continue lendo Eduardo e Heverton

Formatura

Para existir uma borda, também tem que haver um centro. Quando esse centro força os limites da borda, procurando ganhar terreno, algumas coisas podem acontecer: ou a borda se rompe, ou se afasta para ainda mais longe do centro, ou deixa de existir, atropelada pelo processo de expansão. Eu poderia estar falando de geometria, química, … Continue lendo Formatura