45 dias de norte: dois punks brasileiros sem dinheiro pela Europa – dia 37

Em 2012, fiz uma viagem sem muito dinheiro junto com um amigo pela Europa, abusando de hospedagem solidária, comida barata, comida grátis, comida do lixo e de vez em quando comida boa.

Na época, escrevi um diário, agora publicado dia por dia neste blog.

Dia 37 – Rê, rolê turista em Camden Town e invasão lituana no squat

Acordei com o rap francês dos lituanos. Allan foi abrir os olhos e o colchão dele, que durante a noite deu uma andada, se mexeu em direção ao chão, obrigando ele a dar um ollie no colchão pra não se estatelar e me fazendo cair na risada. Enviei uma SMS pra Rê e marquei de encontrar ela na saída de Camden Town. Saímos do quarto e trombamos o Gabriel, que convidamos pra ir conosco. Lembrei de fazer um flyer pra anunciar a Copa América Alternativa de 2013 em inglês durante o campeonato, então sentei no computador e usei minha habilidade de Word-Artist pra isso, hehe. Em 10 minutos ficou pronto e saímos.

Nos 40 minutos de caminhada até o metrô, paramos num internet café pra imprimir os flyers. Era 10 cents cada folha, perguntei pro Gabriel quanto daria 500 folhas e ele disse 5 libras. Sem pensar, mandei fazer, e no final descobri que não ia sair cinco, ia sair CINQUENTA libras, que com desconto ficou pela bagatela de quarenta. Mil flyers por 40 libras, caro pra caralho em termos brasileiros. Mas já foi, e pelo menos trocamos uma idéia com o maluco do xerox que se interessou pelo assunto. 

Andando pelas ruas de Brixton e me sentindo numa música do The Clash, me veio de novo a inquietação: porque caralhos o McDonalds na Europa é verde[1]? Sei lá. Só sei que chegamos em Brixton e demos um jeito de entrar no metrô sem pagar, mesmo a Inglaterra sendo bem mais fascista que todo o resto da Europa por onde passamos. O celular não funcionava no metrô, então nem deu pra justificar o atraso pra Rê, mas felizmente ela esperou e na saída de Camden Town a encontramos, de bandaninha na cabeça, toda London style, hehehe. Nos levou primeiro pra comer, numa rua de pedestres cheia de opções alimentícias onde um cara, vendo minha camisa do Corinthians, virou e disse:

– Esse time só me dá alegria! – e me cumprimentou.

Comemos no Ha Ha Veggie Place, que tem uma pá de junk food vegana. Em Camden Town vende uma pá de coisa pra turista, entre elas uma camisa do Vote for Pedro[2] que me lembrou da viagem passada. O Davi sabe porquê. Depois de comer fomos pra SportsDirect, loja de esporte com preços bem baratos, comprar nossas chuteiras. Arranjei uma bem boa da Umbro por 20 libras, no Brasil deve custar uns 200 reais. Allan pegou outra da Umbro também, 12 libras acho. Ainda saímos com meiões, faixa de capitão e travas mais baixas pra minha chuteira, que é daquelas que dá pra trocar a trava. Lembrei que na viagem passada metade do time voltou com umas chuteiras de 7 libras.

Depois das compras o Gabriel foi encontrar uma amiga e nós fomos beber num pub da Brew Dog, cervejaria artesanal grande de Londres. Muitas cervejas boas, e uns joguinhos de tabuleiro pra se divertir. O slogan da loja é beer for punks. Jogamos Scrabble, que eu nunca tinha jogado, e batalha naval. Depois disso a Rê teve que ir trabalhar, e o resto aproveitou pra dar uma volta e comprar lembrancinhas pros entes queridos no Brasil. 

Demos uma bela volta e pegamos o metrô de volta pro squat. Paramos em Brixton pra comer um veggie burger com batatas fritas por 2,49. Continuamos andando e paramos de novo numa loja de caridade (você doa artigos, eles vendem e repassam a grana) que já tava fechada, pra olhar no lixo deles (sim, eles jogam brinquedos e outras coisas boas no lixo) e fazer um skip, o nome deles pra pegar coisas ou comida do lixo. Achamos umas coisas interessantes e levamos, a maioria ficou no squat mesmo, como jogos de tabuleiro inteiros.

De volta ao squat encontramos o Paulius, que saudades desse puto! Trocamos uma idéia e tava rolando um estresse entre os moradores, parte por não saberem que vinha tanta gente ficar lá (mesmo que só uma noite, tavam chegando mais uns 7 lituanos e a Mariana[3]), parte por conta da nova lei que passará a vigorar dia 1 de setembro e que proíbe squatear casas residenciais. A Natália não sabia se ia conosco pra Bristol ou ficava (ela se fodeu na imigração voltando da França e tinha 5 dias pra sair da Inglaterra ou virar ilegal, mais 28 dias de tolerância pra sair sem ser punida), então enquanto ela pensava nisso eu lembrei que precisávamos bolar um troféu pro campeonato. Fui no free shop (onde tu pode pegar e largar o que quiser, em bom estado) e peguei um abajur pra servir de base e uma bola de basquete daquelas de espuma, pequena, que eu “transformei” em bola de futebol antiga, pra ser a parte de cima. Escrevemos “Against modern football” na frente da bola e “this is not a basket ball”, além do símbolo do Auto, atrás. Na base, parabenizamos o Easton pelos 20 anos e assinamos Auto e Pelada da Esquerda, e bolamos juntos um símbolo pro Pelada de Esquerda[4] que ficou bem legal. Só faltou colar.

No free shop peguei ainda uma mala de viagem pequena pra levar pra Bristol, perfeita pra depois o Paulo Júnior ou o Piva levarem pra São Paulo com algumas coisas nossas, já que nossas malas já tavam no limite da RyanAir. Aí chegaram os outros lituanos, entre eles Za, e a Mariana, e enquanto eles foram tomar vodka (incomodando alguns dos moradores do squat), Allan, Gabriel, Natália e eu fomos dormir, porque o busão pra Bristol – FINALMENTE BRISTOL – sai 10h30 da manhã e a gente tem que sair do squat no máximo 9h.

Amanhã, começa a jornada do Auto na Copa do Mundo Alternativa 2012.

VAMOOO VAMOOO…


[1] Descobri depois que era pra promover uma imagem “eco-friendly”. http://www.nbcnews.com/id/34111784/ns/business-us_business/t/mcdonalds-rolling-out-green-logo-europe/

[2] Cena icônica do filme Napoleon Dynamite. https://www.youtube.com/watch?v=kHL5iQJLvNU

[3] Amiga do RJ.

[4] Na época, eles ainda não tinham um escudo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s